E a quartreview de hoje é sobre um dos animes que eu mais odeio na face da Terra. Lucky FODENDO Star, o câncer que fodeu a indústria de Anime assim como Naruto fodeu a base de fãs. Vomitado pelo estúdio Kyoani, responsável por outros moeshits como K-ON!, Haruhi e Clannad, Lucky Star é sobre as peripécias de Konata, que aparentemente é o que todo Moefag quer ser/ter. Uma loli com cabelo azul KAWAII DESU que fica bronhando pra jogos de putaria e vendo anime toda hora, embora os Moefags sejam mais parecidos com o pai dela, um pedófilo de merda que fica tirando fotos das amigas da filha, mas ao contrário do típico fã de Lucky Star, ele não é virgem.

Na rússia soviética o cosplay falho faz você!

Os episódios se concentram nas aventuras entediantes de Konata e suas amigas: Tsundere Maria-Chiquinha, Retardada irmã da Tsundere, Piranha de óculos e vários outros personagens sem importância. Dá para se ter um nível de quão edificante e emocionante o Anime é quando se passa um terço do primeiro episódio FALANDO SOBRE QUE LADO SE DEVE COMER DE UM CORNETO DE CHOCOLATE. NOSSA KYOANI, CONSEGUIRAM FAZER VER A PORRA DA TINTA DA PAREDE SECAR PARECER UMA MALDITA AVENTURA! DEPOIS DE SETE MALDITOS MINUTOS DESSA MERDA EU TIVE QUE PARAR PARA SOCAR UM PANDA DE TÃO FURIOSO QUE FIQUEI.

Nem Gantz seria capaz de algo tão sádico quanto obrigar alguém á assistir Lucky Shit.

Infelizmente para todos, mesmo sendo um anime de merda, Lucky Shit foi um sucesso absoluto e os escroques da Kyoani se parabenizaram ao vender bilhões e bilhões de bonecos, travisseiros e diversos outros produtos Lucky Star para Moefags cheios de grana para gastar para realizarem seu sonho de estuprar um travesseiro com a Konata estampada nele. Além disso, as dezenas de animes genéricos de escola que copiaram o estilo de Lucky Star acabaram por tomar o espaço que merecia á animações de qualidade. Diabos, eu aposto minhas bolas que Strike Witches 2 vai dominar o verão dos japas em audiência. É, a situação tá foda, negada.

GLÓRIA GLÓRIA ALELUIA!

Anúncios